Google+ Badge

quarta-feira, 17 de dezembro de 2014

CONFIRMADO!

Confirmado gente!
O nosso mundo é mesmo azul! O médico que palpitou em 80% estava certíssimo.
O nosso menino VALENTIM vem aí!
O nosso guri foi muito elogiado, levando nota 1000, ele está lindo demais, se desenvolvendo, se mexendo, coraçãozinho a mil pelo Brasil, fez gracejos aos seus papais, quis se mostrar, ficou com um bracinho atrás da cabeça como se estivesse fazendo de travesseiro, depois passou no rostinho meio que esfregando o nariz, cabecinha, órgãos, mãozinha, pezinho, tudo ótimo, tudo perfeitinho!
Pela DUM 17+3
Pela 1º ULTRA 18+1
A médica que nos atendeu disse que está mais para o exame do que pela DUM, pois ele está bem grande para a idade gestacional que a DUM apresenta.
Então vamos lá:
22cm de gostosura!
250g de muito amor!
Esse é o nosso mundo!

Agora umas fotinhos para vocês se deliciarem!
Bjks
baby boy e eu!



                                                            Um pouco dos meus "detals"

                                     Sei não, mas acho que sou a cara da minha mami. hehe

                                                          Babem nas minhas coxinhas!

                                                        Ticonildo da sua mami e papi!!!

quarta-feira, 10 de dezembro de 2014

16 + 3 Um pouco de nós!

Passou voando? #sqn
Eu não vejo nada de voando kkk ainda mais quando se tem um quadro de náuseas, vômitos e coisas do tipo por tanto tempo...sim, ainda tenho tudo isso, mas preciso confessar que já me sinto bem melhor, bem melhor mesmo, tipo, são raras as coisas que enjoo, ando enjoando mais quando não como, mas cheiros e comida já não me incomodam tanto assim, quando vejo que tá demais daí tomo um remedinho só pra prevenir, e às vezes rola um vômitozinho básico demanhã, após tantas horas sem comer, mas daí só sai água...e falar em comer...
...caraca, essa fome não me deixa, é duas em duas horas cravadinho, mas não sinto desejo de nada não, esses dias me deu muita vontade de comer uma torta de morango com nata, não tinha aqui onde compro sempre, só com chocolate, comi né...kkk mas não tô muito do doce não...tá bem sossegado.
Tenho notado algumas mudanças no meu corpo além da barriguinha e da gordura cof cof cof...
Já está insuportável se depilar com cêra, mas eu sempre digo isso e sempre vou, e sempre sofro kkkk
Os pelos simplesmente brotam pelo corpo todo, tipo, até uma penujem uma barba eu criei, mas com os pelinhos bem branquinhos, a linha nigra ainda nada, mas uma linha de pelo aaah isso sim...kkkk são fios compridos, uma coisa de louco e esses bem pretos!
Notei algumas varicosas, ainnn acho que é assim que chama, umas veinhas roxas fininhas, pequenininhas, uns rajadinhos kkkk credo quanta explicação, mas é isso...kkkk percebo elas nas pernas, coxa.
As veias estão super aparentes, nos seios, na barriga, nos braços...
Vejo as auréolas maiores, mais escuras...
Meu cabelo está bem mais bonito...
Tenho feito muito, muito, muito xixi, tipo levanto do vaso, sento na minha mesa, tô com vontade de novo e vou...kkkk
Muitas espinhas na testa, perto dos cabelos...tipo quase na cabeça.
E o mais legal de tudo nessas mudanças, ACHO que estou sentindo meu bebê.
Sim, andei pesquisando, conversando com as amigas do grupo do whats e acho que é por aí...
uma sensação muito estranha eu diria, como bolhas de gases, só que duras, penso que seja uma bundinha, ou uma cabecinha sei lá...kkk As vezes dá uma dorzinha, não sei se pressiona algo..é estranho!
Li também que existe duas posições de placenta, posterior e anterior, onde quem tem a anterior pode sentir o baby mais tarde, e quem tem posterior que é o meu caso, pode sentir antes.

ANTERIOR: Entre o bebê e a barriga ( demora mais a sentir porque a placenta funciona como um amortecedor)
POSTERIOR: Entre o bebê e as costas.
Quem está gravidinha e ainda não sabe se é anterior ou posterior geralmente fala na TN.
Ah mas a placenta pode mudar de lugar.

O que tenho feito. Nada.
É isso mesmo, em relação a NÓS? NADA.
Deveria estar fazendo academia que está paga até junho...mas não estou, primeiro que tem feito um calor infernal aqui na minha cidade e eu não tenho vontade de sair do meu trabalho e encarar o bafo, segundo que ando muito preguiçosa e cansada por andar super envolvida com a casa "nova".
Mas eu sei, eu sei, preciso me mexer para meu próprio bem!
Vamos ver se semana que vem esse ânimo volta, ou vem kkkk


Bjks baby e eu!

quarta-feira, 3 de dezembro de 2014

Trocar de médico, não trocar, eis a questão.

Bom dia amoras,
eu hoje vim falar de GOs...claro, minha experiência.
Consulto a quase 4 anos com a Dra. Mirna Ricord, que cuida muito bem de mim, fazendo periodicamente exames para controlar o meu HPV e me puxa as orelhas quando demoro a aparecer.
Ela também é obstetra e então porque não seguir com ela não é?!
Bom, com a onda de muitas e muitas e muitas cesárias no Brasil, ou melhor desnecesárias, uma das primeiras coias que achei importante perguntar a ela era o que ela achava do parto normal, como ela lidava com isso, e eu notei na resposta dela um pouco de rispidez, de apreensão, de sei lá o que...Ela meio que se alterou e falou.
-Eu faço parto normal sem problema nenhum, com analgesia, com anestesia, mas por favor, parto com dor, parto com sofrimento eu não faço, não concordo e acho o fim da picada porque já vi muitas mulheres rejeitarem a criança por ter sofrido o que sofreram para tê-los e eu não gosto disso, não presencio isso, não são todos os partos feitos assim que possuem finais felizes.

Bom, nem preciso dizer que a minha primeira reação foi de querer correr do consultório, fiquei levemente chocada, mas não saí, fui pra casa, comecei a pesquisar, a ler muito, a me empoderar, a me informar, a saber como se dava esse parto que para a doutora parecia tão horripilante e tal, vai vem e descobri através de grupos que existia uma médica aqui na minha cidade que fazia partos de acordo com o que a mãe desejasse, mas sempre hospitalar, ou seja, uma médica que respeite as vontades da mãe e não simplesmente vá colocando no soro, ou dando coisas que a mãe não quer, não pediu, etc...
Esta médica aceita plano, e estava muito muito bem falada entre as pessoas destes grupos, por doulas, etc... MAS de fato mesmo, não via ninguém dizendo como havia sido a experiência de parto com ela.

Liguei, marquei, pensei, vamos lá, vamos ver o que sinto, vamos ver qual é a dela.

1º Consultório mega power plus contramão pra mim.
2º Aqui na minha cidade já está fazendo um calor innnfernal imagina no alto-verão e eu mais barriguda.
3º A médica fica no 2º andar mas a escadaria parece infinita.
4º Sinceramente? Não achei nada de mais e já explico.


Resumindo.
Cheguei ao consultório ela me recebeu, levei minha carteirinha de gestante, todos os meus exames feitos até então, coisa e tal, falei que já vinha fazendo o meu pré-natal com a Mirna, qual não foi o meu espanto ela fala, com a Mirna? Mas a Mirna é uma ótima médica, gosto muito do trabalho dela, inclusive conversamos seguido nos partos, pois usamos os mesmos anestesistas, tal e tal...
Mas aí eu lancei assim, doutora, eu não tenho nada para reclamar da Dra. Mirna, apenas procuro por um parto onde minhas vontades sejam respeitadas, e pelo que conversei com ela, ela disse que não faz parto sem analgesia, sem anestesia...
Aí ela falou, mas fazer o parto comigo não garante que eu não precise usar estas coisas, muitas vezes eu preciso usar, o TP não evolui, a criança está sofrendo e aí eu preciso usar, ou então acontece de eu usar a ocitocina por exemplo e os batimentos da criança baixam, se eu diminuo a ocitocina a mãe não dilata e aí eu fico numa sinuca de dois bicos, e acabo tendo que fazer a cesária....
Ou seja, ela não garante que o parto normal "natural" aconteça de uma forma super mágica como a maioria das mulheres querem...
E mais, falou algo que pra mim não foi novidade, mas é importante ouvir quantas vezes forem preciso para que isso fixe na minha cabeça, falou que a preparação do parto normal com menos intervenções possíveis é muito mais da mãe do que da escolha do médico, vai da mãe, se informar, saber pelo o que vai passar, não sair correndo de medo na primeira contração, se estourar a bolsa não sair correndo para o hospital, vai da mãe fazer exercícios que ajudem a dilatar, ter uma bola de pilates pra rebolar, fazer curso de parto, marido aprender a fazer massagens que ajudem a mulher a relaxar, ter um chuveiro quente, e disse que uma doula ajuda muiiiiito muito, que todas as gestantes deveriam ter uma doula, pois ajuda demais e por fim ir ao hospital, com a certeza de que tudo foi feito para que um lindo parto aconteça e se não acontecer paciência, ao menos foi esperado até onde deu para que o bebê viesse ao mundo na sua hora.
Para partos a partir de 2015, ela estará cobrando uma taxa de 1.000 de disponibilidade, feliz de quem conseguiu ter o parto com ela totalmente pelo plano.

O que dizer a vocês? Deixei marcado lá com ela para final de fevereiro, pois dezembro tá aí, janeiro ela está de férias...até lá posso pensar e em quanto isso vou na Mirna, mas agora, será que troco?
Acho que vou tentar ter uma conversa na boa com a Mirna sabem?! Poxa a médica humanizada da cidade falou super bem dela, porque trocar?
Vou tentar um diálogo, perguntar se podemos tentar sem analgesia, sem anestesia e aí se eu não aguentar ela coloca uai....
Mas tudo vai depender das próximas consultas pra que eu tenha uma decisão final...

Por hoje é isso...

Beijos baby e  eu!